product icon

Como configurar arquivos de script para armazenar gravações em uma nuvem

    este artigo fornece orientações para os administradores do Rescue.

    Os administradores podem configurar arquivos de script para armazenar gravações de sessões na nuvem.

    Requisitos:
    • Marque a caixa Não permitir que técnicos definam o local.
    • Insira a referência do script na caixa Local de gravação da tela
      "custom:MyUploadScript.cmd"
      "custom:c:\MyScripts\MyUploadScript.cmd"
    Observação:: recomendamos personalizar o script do Rescue pronto para uso chamado CustomSRUploader.cmd. No entanto, os clientes também podem configurar seus próprios scripts.
    Importante: Por razões de segurança, se a caixa de edição contém apenas o nome do script, o TC está procurando o script apenas ao redor do executável do TC na pasta de instalação, para proteger a integridade do script. Se o administrador fornecer o caminho absoluto do script no computador do técnico, o Console técnico aceitará.

    Por que o Rescue fornece o script “CustomSRUploader.cmd”

    O Rescue oferece um modelo de script pronto para uso adequado para a maioria dos casos de uso. Por motivos de segurança, recomendamos salvar o script personalizado em uma pasta exclusiva que os usuários restritos não têm permissão de modificação, concedendo permissões de edição somente aos administradores. Dessa forma, invasores ou hackers mal-intencionados não poderão alterar o fluxo de upload desejado.

    O script CustomSRUploader.cmd é colocado próximo do arquivo binário do Console técnico na pasta de instalação por esse motivo.

    O script pode ser usado como ponto de partida seguro para os próprios scripts do cliente. Embora seja fácil encontrar a pasta de instalação do Console técnico, é bem diferente no Console técnico para navegador. O Windows pode alterar pastas de arquivos de plug-in, dependendo do histórico de instalação preliminar. Usar o script “CustomSRUploader.cmd” deixará a integração com o Console técnico mais fácil. Como a segurança é essencial, recomendamos usar caminhos absolutos e aspas em qualquer caminho com caracteres de espaço nos scripts.

    Qual ferramenta de linha de comando é recomendada para carregar o script

    Recomendamos usar a ferramenta de linha de comando “rclone”, disponível em https://rclone.org, para executar tarefas de upload.

    "Rclone" é um programa de linha de comando para gerenciar arquivos em armazenamento em nuvem, lançado pela primeira vez em 2014. É uma alternativa cheia de recursos quando comparadas às interfaces de armazenamento web dos fornecedores de nuvem. Mais de 40 produtos de armazenamento em nuvem são compatíveis com o rclone, incluindo os repositórios de objetos S3, os serviços de armazenamento de arquivos para usuários domésticos e empresariais, além de protocolos de transferência padrão. O rclone oculta as diferenças dos vários destinos por um processo de configuração simples.

    O Console técnico espera um elemento “remoto” pré-configurado pelo cliente para poder carregar as gravações de tela no local remoto. A autenticação é feita durante o processo de configuração.

    O rclone executa as seguintes verificações:

    • Uploads duplicados
    • Tamanho e conteúdo do arquivo de destino
    • Reenvio no caso de falha de uploads

    O rclone e seus parâmetros de configuração podem ser implantados pela TI ou pelo script de upload do cliente. O rclone consegue gerenciar o proxy com base em parâmetros de ambiente pré-configurados:

    HTTP_PROXY=http://mm:password@192.168.1.2:3128

    HTTPS_PROXY=http://mm:password@192.168.1.2:3128

    Article last updated: 27 September, 2022